segunda-feira, junho 27, 2022
spot_img
InícioEsporteA importância do aquecimento antes do exercício físico

A importância do aquecimento antes do exercício físico

Atividades parecidas, mas que têm objetivos diferentes, o alongamento e o aquecimento contribuem para uma prática esportiva mais saudável e sem lesões

Quem pratica atividades físicas provavelmente, já aqueceu ou alongou o corpo antes de iniciar os exercícios. Apesar de serem parecidas, as técnicas de aquecimento e alongamento possuem objetivos e execuções bem diferentes e, por isso, é importante analisar qual é o método ideal para cada uma das situações.

“A principal diferença entre alongar e aquecer é o resultado que cada prática pode provocar no corpo. Por um lado, o aquecimento é uma maneira de preparar o nosso corpo para o esforço que virá e assim evitar lesões. Já o alongamento é um pouco diferente,  tem objetivo de aumentar a flexibilidade e amplitude de movimentos”, comenta Raquel Silvério, fisioterapeuta e diretora do Instituto Trata de Guarulhos.

Antes de qualquer prática esportiva é importante que se faça o aquecimento, com maior ou menor intensidade, a depender do exercício. Na prática, ele provoca reações no organismo que são benéficas para facilitar os movimentos.

“O aquecimento aumenta a circulação sanguínea, levando mais oxigênio para os músculos, aumenta a frequência cardíaca e respiratória, aumenta a temperatura e a pressão arterial e lubrifica as articulações”, explica a fisioterapeuta.

O tipo de aquecimento físico está diretamente relacionado com os exercícios a serem praticados. “Ele deve ser feito com movimentos repetidos e de baixa intensidade de acordo com a atividade que vai realizar. Por exemplo, se vai fazer uma corrida, faça movimentos com as articulações de tronco e membros inferiores, comece caminhando ou com um trote leve, até que o corpo aqueça, então passe para a corrida”, destaca Raquel Silvério.

Segundo a fisioterapeuta, o alongamento é sempre importante, aumenta a flexibilidade e amplitude dos movimentos, porém não deve ser feito antes de exercícios como a musculação, em que o objetivo é ganho de força. O alongamento intenso antes do exercício pode diminuir a produção de força e até causar lesões.

“Existem dois momentos em que o alongamento é indicado. No final de um treino, de forma leve, para relaxar os músculos e evitar dores. E também em um dia específico, no qual o objetivo do exercício físico seja apenas alongar o corpo. No último caso, ele pode ser feito de forma mais intensa para que haja o ganho de amplitude”, conclui a diretora do Instituto Trata de Guarulhos.

Para saber mais sobre doenças, tratamentos, dicas, acesse: www.institutotrata.com.br

Bruno Martins
Bruno Martinshttps://jornalouvidor.com.br
Jornalista, curioso e sempre correndo atrás de boas histórias. Atuo no Ouvidor desde 2013, divido a redação com a paixão pelo rádio. Adoro pautas sociais e foi através de uma delas que certa vez fomos finalistas em um prêmio nacional de jornalismo no Rio de Janeiro em 2016. Sou o pai da Catarina, Ezequiel e do Joaquim, os três, frutos de um amor que vivo desde setembro de 2010.
RELATED ARTICLES
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Most Popular

Recent Comments

Érica Alcântara on Homero vira lenda
Érica Alcântara on Homero vira lenda
Érica Alcântara on Homero vira lenda
Ana Maria Monteiro da Silva on Homero vira lenda
Agenor Vallone on Homero vira lenda
Ana Paula Carrara on Homero vira lenda
José Francisco "Chiquinho" on Mais segurança em Arujá