Oficina para formatação de projetos culturais

Promovido pelo Museu da Imagem e do Som (MIS), curso deu apoio a leis culturais no município

projetos culturais
FOTO: Paloma Juliet

Os cidadãos interessados em submeter seus projetos audiovisuais para programas de incentivo à cultura isabelense prestigiaram a Oficina de Formatação de Projetos Culturais para Editais em Audiovisual, organizada pela Secretaria Municipal de Cultura. Ministrada pelo cineasta Bruno Cucio, graduado em Cinema pela FAAP e mestre em Artes Visuais pelo departamento de artes da UNESP, o curso movimentou a noite da última quarta-feira (25).

Veja Também

Evento teve como principal objetivo auxiliar os participantes à elaboração de projetos e seu encaminhamento para editais públicos, como o da Lei Paulo Gustavo, que destina mais de R$515 mil para o setor no município. Dentre os assuntos abordados, a história da cultura nacional e a análise da estrutura de editais públicos como o Programa de Ação Cultural (Proac) São Paulo, marcaram os aprendizados.

Para Bruno Cucio, conhecer diferentes editais e suas exigências no país são de extrema importância também para os interessados em produzir obras audiovisuais. “Uma oficina muito importante para compreender a montagem de um bom projeto, para ter projetos potentes e realizados da melhor maneira possível”, comentou.

Segundo Giovandra Silva, atriz e estudante de produção cultural, a oficina promovida pelo Ponto Museu de Imagem e Som (MIS) foi essencial para sua preparação no envio de projetos culturais para diversos editais. “Foi bastante significativo, pois abre os caminhos para compreender as disciplinas da minha área, a qual quero me especializar”, destacou.

Próximas etapas

Também presente no evento, a Secretária de Cultura de Santa Isabel, Teresinha Pedroso, confirmou que, além de servir como base para diversos editais, a oficina dá continuidade ao cronograma da Lei Paulo Gustavo, e que a secretaria fornecerá mais oportunidades de capacitação aos artistas locais. “Existe também na proposta da Paulo Gustavo, um artigo que fala a respeito da criação de mostras, festivais de cinema e de aulas preparatórias para edições de vídeos para os interessados na produção de filmes, por exemplo”.

Os próximos passos para a aprovação da lei emergencial no município, acontecerão em breve. A partir da próxima semana, a EMEF Oscar Ferreira de Godoy, no bairro 13 de maio, receberá fóruns voltados para discussões acerca dos projetos artísticos. Na próxima segunda-feira (30), o foco será em obras audiovisuais, a partir das 19 horas. Terça-feira (31), a organização discutirá demais áreas culturais, como artesanato, músicas e pinturas.

E por fim, às 19 horas do dia 1º de Novembro, a apresentação das propostas debatidas durante os dois fóruns. Finalização do cronograma de Fóruns Setoriais para discussão da Lei Paulo Gustavo acontecerá na Câmara Municipal de Santa Isabel, localizada na Rua Prefeito Hyeróclio Eloy Pessoa, número 33, no bairro Jd. Monte Serrat.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments