CAPS DE SANTA ISABEL OFERECE ATENDIMENTO E DIVERSAS ATIVIDADES NO MÊS DE SETEMBRO AMARELO

No dia 10/09, sexta-feira, é comemorado o “Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio”, trata-se de uma campanha que visa conscientizar as pessoas sobre o suicídio...

Saúde Cidades Em 08/09/2021 17:36:43

por AIPMSI

No dia 10/09, sexta-feira, é comemorado o “Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio”, trata-se de uma campanha que visa conscientizar as pessoas sobre o suicídio, bem como evitar o seu acontecimento, durante todo o ano. Ao longo deste mês, o tema será abordado nas Unidades Básicas de Saúde (UBS´s), nas Estratégias de Saúde da Família (ESF) e no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Santa Isabel.

A campanha Setembro Amarelo foi criada no Brasil em 2015 pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), em conjunto com o Centro de Valorização da Vida (CVV) e o Conselho Federal de Medicina (CFM), com o objetivo de dar visibilidade à causa.

Na sexta-feira (10/09), o CAPS realizará uma ação exclusiva com os pacientes já cadastrados, com o tema “Se expressando a gente se entende. Você não está sozinho”. As atividades incluirão roda de conversa sobre a temática e também serão oferecidas atividades de Yoga, caminhada, dança, consciência corporal e roda de música, com a finalidade de auxiliar no autocuidado, socialização, informação e expressão do paciente. Esta ação contará com o apoio dos profissionais das secretarias municipais de Saúde e Cultura, além de voluntários.

“É importante ressaltar que os nossos munícipes devem saber quem eles podem acionar em caso de crise. Todos podemos contribuir com a campanha do Setembro Amarelo, divulgando os serviços de saúde e acolhimento. Nosso compromisso é oferecer um tratamento adequado e que os nossos serviços cheguem a todas as pessoas e, com isso, salvar vidas”, afirma o prefeito de Santa Isabel, Dr. Carlos Chinchilla.

Ao longo do mês, as Unidades de Saúde fomentarão o debate e abordarão sobre a possibilidade de tratamento diante de sinais de sofrimento emocional. Também será disponibilizado o varal de mensagens, que é uma atividade para incentivar a expressão de sentimentos e o vínculo com a unidade de saúde.

“A campanha de Setembro Amarelo é um assunto que ainda enfrenta dificuldades na identificação de sinais, oferta e busca por ajuda, por conta da falta de informação, mas estamos trabalhando para que todos tenham acesso”, explica Psicóloga Renata Vargas.

É um mês importante para a divulgação do acesso aos serviços de saúde para as pessoas com transtornos mentais ou com sofrimento psíquico. No município, o CAPS atende de segunda a sexta, das 7h às 17h. Os munícipes também podem procurar as unidades de saúde dos bairros para o primeiro acolhimento. Além disso, durante todo o mês, as UBS's também estarão atendendo quem precisa e encaminhando para o CAPS quando necessário.