"A reforma administrativa que defendo não é essa que foi mandada pelo governo", afirma Deputado Roberto de Lucena

Roberto de Lucena diz que a reforma administrativa proposta não é a que o Brasil espera e precisa e declara "ela vilaniza o servidor público"

Política Em 20/09/2021 18:34:21



O deputado Roberto de Lucena (Podemos-SP) se posicionou contra a PEC da Reforma Administrativa, durante entrevista ao vivo pelo Programa De Frente com o Ouvidor. Para o parlamentar, a proposta "vilaniza servidores públicos que são importantes para a sociedade brasileira".

"A reforma que defendo não é essa que foi mandada pelo governo. Eu vou votar contra, pois ela vilaniza o servidor público, sendo que não é ele o culpado de estarmos no desajuste fiscal das contas do Estado", declarou.

Lucena disse ainda que a proposta de reforma administrativa precisa reformar estruturas políticas e de estado.

"Sou a favor de nós reformarmos as estruturas do estado. Não defendo o estado mínimo, defendo o estado necessário e entendo que precisa existir uma reforma com objetivo de deixar o estado menos oneroso, mais ágil e transparente. Porém, precisamos de uma reforma abrangente que não exclua militares, nem políticos. Inclusive, a verdadeira reforma precisa começar por políticos que necessitam se adequar a uma nova realidade", finalizou.