No Pé do Ouvido

Pé do Ouvido
Os bastidores da política regional, no Pé do Ouvido.

Confira os destaques do Pé do Ouvido da edição 1.478 do Jornal Ouvidor. Fique por dentro dos bastidores da região.

ARUJÁ

ANFITEATRO – A prefeitura de Arujá mais uma vez mostrou experiência na aplicação do dinheiro público. Nas últimas semanas a inauguração do anfiteatro municipal deu ao município um novo espaço para a promoção da arte e cultura arujaense. O Anfiteatro foi construído com recursos da secretaria Municipal de Cultura e recebeu um total de R$ 259.926,63 de investimento. A secretaria de Cultura está elaborando um calendário atrações oficiais para o segundo semestre que deve ser divulgado em breve!

IGARATÁ

REPORTAGEM – Nesta semana a Rede Vanguarda fez uma reportagem sobre o fato anunciado de que a Sabesp pagará R$ 60 milhões de reais somente para os municípios da região que possuem área alagado por represas, da qual a  Sabesp faz a captação de água para fornecer para toda a Grande São Paulo.

COM DINHEIRO – Neste caso, as cidades vizinhas de Piracaia e Nazaré Paulista, receberão cada uma, R$ 20 milhões de reais e R$ 18 milhões de reais, respectivamente. O valor será pago em parcela única em setembro deste ano.

SEM DINHEIRO – Igaratá não tem área alagada sendo administrada pela Sabesp. A represa do Jaguari é administrada por Furnas Centrais Elétricas. Só que com a obra de transposição entre as represas Atibainha e Jaguari, toda a água da represa Jaguari passou a ser enviada para a Sabesp, que por sua vez leva essa água para a grande São Paulo.

INJUSTIÇA – O volume de água da represa do Jaguari é praticamente igual ao de todas as outras represas do sistema Cantareira somadas. Se pela utilização das áreas onde estes reservatórios de águas foram construídos, a Sabesp pagará R$ 60 milhões de reais, não é justo que Igaratá, onde está a maior parte do reservatório da represa Jaguari não receba nem um tostão.

BOLSO VAZIO – Esse resultado desastroso é a prova incontestável de que o processo de desestatização da Sabesp foi muito mal interpretado pela Prefeitura de Igaratá. Os vizinhos receberão uma bolada e Igaratá vai continuar cedendo a sua água, muita água para a Sabesp vender na Grande São Paulo, mas de bolso vazio.

SAÚDE COM ALCOOL – Na audiência pública da saúde realizada na Câmara Municipal, segundo algumas pessoas presentes, um dos vereadores da base do Prefeito, teria comparecido com sinais visíveis de que estava com teor alcoólico no sangue acima do normal.

SÓ BEBADO – Mas como para acessar a audiência pública, não existe bafômetro, as barbeiragens ditas pela autoridade são dignas do mais nocivo efeito do álcool, mas não rendem sequer multa. A pérola ficou por conta do comentário de que a população de Igaratá reclama de barriga cheia do atendimento público na saúde, que seria melhor que o de convênio particular. Realmente, deveria estar “bêbado” para falar uma besteira desta.

SEM SAÚDE – O serviço público de saúde em Igaratá há tempos vem sendo alvo das mais variadas críticas. E em qualquer pesquisa de opinião que tenha um mínimo de seriedade, se tem a saúde disparado como o maior problema a ser enfrentado em Igaratá. E negacionismo não ajuda a resolver o problema, muito menos álcool.

ELEIÇÕES – A semana que vem promete em termos de novidades no cenário eleitoral local. O ex-prefeito Celso Palau, realizará uma reunião como os membros dos partidos de oposição e lideranças locais, quando pretende anunciar mudanças radicais para as eleições de outubro deste ano.

SANTA ISABEL

INVISÍVEL – Nesta semana um encontro no Bairro Jd. Eldorado debateu a importância da Rede de Proteção da Criança e do Adolescente. Foi o momento para a comunidade conhecer as Pastas que compõem a rede e tirar dúvidas sobre a sua atuação na cidade. Além das ausências justificadas de alguns setores que fazem parte da rede, a mais sentida e não justificada oficialmente, foi a do Conselho Tutelar de Santa Isabel.

INVISÍVEL 2 – Nenhum dos cinco conselheiros compareceram ao evento que fechando as celebrações do Maio Laranja, foi o único que contou com a presença massiva da comunidade. O maior representante legal na garantia dos direitos da criança e do adolescente e considerado a cabeça da rede de proteção, ficou invisível na discussão.

LACROU – Na semana passada um pré-candidato a prefeito marcou presença na audiência pública promovida pela Alesp em Santa Isabel para discutir o orçamento do Estado. Mas a presença foi curta, tempo suficiente para fazer um vídeo e subir nas redes destacando a importância da participação popular em tal audiência pública, que nem ele ficou até o fim. A presença foi só para lacrar nas redes?

MAIS MEIO MILHÃO – A Secretaria de Meio Ambiente de Santa Isabel conquistou por meio da Casa Militar da Defesa Civil do Estado uma emenda no valor de R$ 500 mil que será destinada para as conclusões das obras no Ribeirão do Bairro Jd. Cruzeiro, no trecho da Rua Maria Isabel. O local que sofreu um desassoreamento nos últimos meses terá seu leito canalizado com aduelas que reforçarão a passagem das águas e trará mais segurança as famílias que moram no local. Parabéns!

DENÚNCIA – E por falar em Meio Ambiente, tem muita denúncia chegando ao WhatsApp do Jornal Ouvidor que dão conta de construções irregulares e outras que informam sobre o descarte irregular de entulho em córregos, como no Bairro do Monte Negro, por exemplo. A reportagem está de olho e encaminhará para a Pasta as denúncias apontadas e cobrará as ações.

OUTRAS RECLAMAÇÕES – As poucas chuvas que caíram nos últimos dias revelaram alguns probleminhas de manutenção nas estradas municipais. No Jaguari, por exemplo tem pontos que a comunidade nem está conseguindo transitar. Outros problemas, dão conta do mato alto que tem tomado diversos pontos da cidade. Nas casas próximo a região da granja, na subida do Eldorado, os moradores estão retirando cobras, aranhas e outros animais peçonhentos de seus cômodos. Olha o perigo aí!

CALÇADA – E por falar em calçada, os moradores do Jd. Novo Éden, especificamente da Rua Violeta querem saber quando a Prefeitura vai voltar para finalizar os trabalhos na calçada que fica aos fundos da Escola Municipal do Bairro. Após mexer no passeio para a retirada de árvores que estavam destruindo o pavimento, ninguém voltou para recolher o restante da sujeira e retirar a terra que virou lama com as últimas chuvas. Tá tudo no Whats do Ouvidor!

MELHOR IDADE – 35 atletas isabelenses e 5 membros da comissão técnica viajam na próxima segunda-feira para Pindamonhangaba onde participam da 26ª Olimpíada da Melhor Idade. Santa Isabel entra em campo com cinco modalidades: Volei adaptado masculino +60 e +70; vôlei adaptado feminino +60, Natação e Atletismo.

MELHOR IDADE 2 – Santa Isabel jamais deixou de participar das Olimpíadas da Melhor Idade, sempre obtendo relevante destaque especialmente no vôlei adaptado. No ano passado, em São Sebastião, a equipe conquistou excelente colocação na classificação geral.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments