segunda-feira, junho 27, 2022
spot_img

No Pé do Ouvido

por Redação

Com uma pitada de bom humor e claro muito Jornalismo, você confere no site do Ouvidor a coluna mais lida em nossos 32 anos. Os bastidores da política no Pé do Ouvido.

ARUJÁ

INCONVENIENTE – Aproveitando a noite movimentada da última sessão na segunda-feira, o vereador Paulinho Maiolino usou a tribuna para se queixar de supostas críticas que alguns vereadores fazem a sua ONG. Notoriamente intrigados, os colegas até poderiam se questionar: “Que palhaçada é essa!?”

INCONVENIENTE 2 – Afinal, como até o momento, ninguém abertamente fez qualquer tipo de crítica a ONG do edil, portanto, a impressão que ficou em todo plenário foi que o nobre vereador tirou proveito da lotação da Casa de Leis e reclamou apenas para chamar atenção.

INCONVENIENTE 3 – Conseguiu! No dia seguinte, foi um dos assuntos mais comentados entre apoiadores e pais de alunos com necessidades especiais, todos se questionaram sobre o grau de empatia do parlamentar. Afinal, o tempo que Maiolino usou em seu protesto causou notório desconforto na maioria dos presentes, que estavam lá para prestigiar a votação de concessão do terreno para a Apae de Arujá, projeto que de fato merece aplausos!

Confira as colunas do Ouvidor

IGARATÁ

TRATORES – O Governo do Estado enviou para a Prefeitura de Igaratá, além de diversos implementos agrícolas, que já haviam sido entregues há alguns dias, dois tratores agrícola de 80 cv cada, cabinados e zero Km. Os equipamentos são de encher os olhos e demonstram que o atual Governador vem com força tentar a reeleição.

TRATORES 2 – Equipamentos novos como os tratores que vieram para Igaratá estão sendo distribuídos pelo Governo do Estado em toda a região e numa quantidade surpreendente. A prova está aí, dois equipamentos foram doados de uma só vez.

DE QUEM É? – Mas, se não há dúvidas de que o Governo do Estado é que está distribuindo as benesses, vingou a guerra de narrativas dos políticos locais para se intitularem “pais da criança”. Nem bem os tratores desceram do caminhão plataforma que os havia trazido para Igaratá, o vereador Juliano e companhia, gravou um vídeo, junto aos tratores, dizendo que a solicitação dos equipamentos havia sido realizada por eles, ainda no ano de 2.017.

FILHO DE QUEM? – Algumas horas depois foi a vez dos vereadores Gabriel Prianti, Albert Ursão e Silvio Jorge, postarem documentos da solicitação dos equipamentos, juntamente com um vídeo do deputado estadual Itamar Borges, que até abril deste ano era o Secretário da Agricultura do Estado, pasta do Governo que adquiriu os bens e até um vídeo do atual Governador, Rodrigo Garcia, falando sobre o benefício que o Estado estava destinando a Igaratá.

GUERRA – Na guerra das narrativas, não há dúvidas que os vereadores da oposição se saíram muito melhor na divulgação. Os tratores foram adquiridos pela Secretaria Estadual da Agricultura, na gestão do ex-Secretário Itamar Borges e distribuídos pelo Governo Estadual, sob a batuta de Rodrigo Garcia. Mostraram as figuras que resolveram o assunto!

MUNDO MUDOU – O documento de 2.017, apresentado pelos vereadores da situação, para justificar a suposta paternidade sobre os tratores, fica bem forçado. Em 2.017, o Estado de São Paulo estava sendo governado por Geraldo Alckmin, atual pré-candidato a vice–presidente. De 2.017 para cá, muita coisa mudou, Alckmin deixou de ser governador, mudou de partido, pelo Governo do Estado já passaram Marcio França, João Dória e agora Rodrigo Garcia.

O QUE IMPORTA – Então, ponto para a oposição. A versão dos vereadores Gabriel, Silvio e Ursão é a única convincente. Agora, o que isso muda no resultado final das coisas. Nada!  Jogo que segue! E que venham mais equipamentos.

O QUE IMPORTA 2 – Quem quer que tenha sido o autor do pedido ou que ele tenha vindo espontaneamente, pouco importa! A verdade é que cabe a atual administração fazer uso adequado dos equipamentos, valorizando a sua utilização nos ambientes corretos proporcionando aos agricultores que mantém as nossas lavouras em pé com extremos sacrifício. Não sejam apenas equipamentos políticos!

MUDANÇA – A arte muda os lugares e a vida das pessoas. A frase clichê, que todo mundo já ouviu alguma vez na vida pode ser comprovada na realidade, sem ir muito longe. O bairro do Bonsucesso, em Igaratá é prova disso.

NOVA HISTÓRIA – Completamente abandonado por décadas, em 2.019, a Prefeitura, na gestão do ex-Prefeito Celso Palau, realizou obras de infraestrutura no Bonsucesso, pavimentando as vias de chão batido com bloquetes sextavados. O Bonsucesso se transformou.

NOVA HISTÓRIA 2 – Agora, o Bonsucesso foi o local escolhido em Igaratá para a implantação do Projeto Galerias, liderado pelo artista plástico Guataçara Monteiro e que contou com a adesão voluntária de diversos artistas.

RESULTADO – O resultado é uma bela obra de arte a céu aberto. Impossível, que quem conheceu o mesmo lugar há poucos anos, não se deslumbrar e se emocionar com a transformação, não só do local, mas também no modo de vida e no cotidiano das pessoas que lá vivem, que é o que realmente importa. O Bonsucesso e o Projeto Galerias valem muito uma visita!

RESULTADO 2 – Somando competências e valores é que se obtém o desenvolvimento e não buscando dividir. Os municípios se desenvolverão mais quando seus políticos aprenderem a compartilhar o interesse social e deixar a disputa para os momentos eleitorais.

SANTA ISABEL

FAÇA O QUE EU MANDO – Em razão do aumento de casos positivos de Covid-19, por decreto assinado em 09 de junho de 2022, o Prefeito de Santa Isabel Dr. Carlos Chinchilla tornou obrigatório o uso de máscaras faciais em todos os ambientes fechados.

NÃO O QUE EU FAÇO – Por isso, não é à toa que, ao visitar as festas juninas escolares do último final de semana (11/06, pós decreto), o Prefeito foi censurado por distribuir abraços e posar para fotos em ambientes fechados e sem máscara. Questionado por uma cidadã sobre os riscos da pandemia, ele disse “a preocupação existe”.

NO BURACO – Uma semana após posar para fotos ao lado do prefeito Carlos Chinchilla, o vereador Jorginho Capoeira aproveitou o uso da tribuna para reclamar da falta de zeladoria na cidade. Disse que as ruas estão todas esburacadas e que recebe muitas reclamações sobre o tema.

NA FOSSA – Casquinha do Angaturama reclamou do caminhão limpa fossa. Para o edil, com a mensalidade de R$15 mil, paga para empresa que aluga um caminhão limpa fossa, daria para a prefeitura adquirir um caminhão próprio. Onde!? Ao levantar a questão da taxa cobrada para fazer o serviço, o colega Zé da Mula explicou que somente os munícipes cadastrados na Promoção Social tem acesso ao serviço de graça.

MENTIRA – Em defesa da ex-secretária de Meio Ambiente de Santa Isabel, Sandra Igarasi, o vereador Zé da Mula lançou um desafio ao atual secretário Rubens Barbosa: “Mostra agora quais benefícios trouxe para a cidade”. Depois listou todos os recursos e obras que a antecessora trouxe para a cidade, entre eles a canalização do Araraquara. “João da defesa civil trouxe mais recursos nesta gestão que o senhor”, protestou Zé da Mula.

TRANSPORTE – O vereador Chico do Mercado apresentou um projeto, no mínimo, audacioso! Beneficiado por ser um dos poucos empresários da cidade a não ter uma única demarcação de zona azul na porta de seu estabelecimento comercial, propôs um protocolo do transporte público.

TRANSPORTE 2 – Se por um lado, ter protocolo é bom, por outro, cria um problema grave: “de quem é a culpa!?” Para a proposta do vereador, 90% dos problemas acabariam nas costas do motorista que, para cada tipo de infração, receberia uma penalização diferente. E, o único modo de garantir que não sofreriam penalizações injustas, os motoristas ficariam obrigados a fazer um checklist antes de dar a partida. Vai que a peça quebrou na mão do anterior e ele não viu!!

TRANSPORTE 3 – Agora imagina o motorista da ambulância, ou da Defesa Civil, fazendo checklist antes de atender uma ocorrência? Os supervisores até poderiam gritar: É caso de vida ou morte! Contudo, se o motorista der a partida antes de fazer a checklist, corre o risco de ter de pagar por erros de manutenção de um veículo público, cuja manutenção nem sempre (quase nunca) está em dia.

TRANSPORTE 4 – A vereadora Bruna do Pati até tentou explicar para Chico do Mercado (sem zona azul) que a prefeitura não dispõe de carro reserva que fique disponível para que os demais sejam paralisados para as necessárias manutenções preventivas, mas foi voto vencido na ideia de adiar o projeto.

TRANSPORTE 5 – Ter um protocolo é importante, assim evita, entre outros problemas, as caronas, o uso do transporte público para fins pessoais e de interesses eleitorais. Claro que o bom exemplo deve vir da Casa de Leis, onde o projeto foi criado! No final, caberá ao prefeito ajustar a norma ou vetá-la completamente. Afinal, na saúde o transporte sanitário já tem um protocolo novinho em folha, caberia aos demais setores criar um de acordo com a realidade de demanda de serviço. Veremos!!

PRESIDENTE – Esta semana o vereador Edson Oh Glória anunciou que vai se candidatar à presidência do legislativo. Defensor e fiel à gestão passada pode abrir alas para uma nova era na Casa de Leis. Ele garante que já tem nove votos a seu favor! Quem mais virá na disputa? Será que atual gestão encontrará um representante que queria assumir a cadeira? Veremos!!!

Artigo anteriorHomens sem alma
Próximo artigoAssassinato em Santa Isabel
RELATED ARTICLES
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Most Popular

Recent Comments

Érica Alcântara on Homero vira lenda
Érica Alcântara on Homero vira lenda
Érica Alcântara on Homero vira lenda
Ana Maria Monteiro da Silva on Homero vira lenda
Agenor Vallone on Homero vira lenda
Ana Paula Carrara on Homero vira lenda
José Francisco "Chiquinho" on Mais segurança em Arujá