Arujá
Maio Laranja: Após solenidade na Câmara de Arujá, crianças desfilaram com cartazes pelas ruas da cidade. Foto Assessoria Arujá.

Arujá, Igaratá e Santa Isabel promoveram nesta quarta-feira, 18/05, uma série de atrações alusivas ao maio Laranja

Por Bruno Martins

Nos últimos cinco anos, uma média de 35 mil crianças e adolescentes foram mortos violentamente no Brasil. A violência sexual contra menores apresenta números ainda mais alarmantes e a discussão sobre este assunto ganhou o centro das atenções nesta quarta-feira, 18/05, em Arujá, Igaratá e Santa Isabel.

Atração terminou com a plantio de plantas na Praça do Coreto, centro de Arujá. Foto Assessoria Prefeitura

Por mais um ano, as cidades promoveram a Campanha Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração de Crianças e Adolescentes alusiva ao maio Laranja. Em Arujá, as atrações partiram do Salão Nobre da Câmara Municipal e se estenderam para a Praça do Coreto no centro da cidade. Na praça foram realizados o plantio de flores que marcam a campanha em todo o Brasil.

“Nós, adultos, precisamos a cada dia ampliar nossa consciência, a nossa responsabilidade, sobre o papel protetivo. Ele não é só dos segmentos, da rede protetiva ou do Poder Executivo, e sim da sociedade como um todo”, disse Estela Romero de Brito, presidente do CMDCA de Arujá.

Em Igaratá a Juíza de Santa Isabel, Dra. Claudia Vilibor Breda palestrou sobre o tema. Foto: Assessoria Prefeitura.

Em Igaratá, as atrações sobre o tema já acontecem desde a semana passada. Nesta quarta-feira a cidade teve uma palestra ministrada pela Juíza da Vara da Infância e Juventude, Dra. Claudia Vilibor Breda, na sequência a Dra. Vilma Regina falou sobre o “Cuidado”. O evento ocorreu no salão nobre da Câmara de Igaratá.

 

Em Santa Isabel, a campanha tem como pioneiro há anos o Advogado Dr. Antônio Barreto. Desde o início do mês cartazes sobre o tema foram estendidos em pontos estratégicos da cidade. Na EMEF Joaquim Simão ocorreu uma palestra sobre o tema enfatizando a importância sobre a denúncia e os canais onde ela pode acontecer como o Disque 100 e o Disque Denúncia 181, além de ressaltar o papel principal do Conselho Tutelar na proteção e na garantia dos direitos de crianças e dos adolescentes.

Saiba mais sobre a sua região

A campanha “Faça Bonito – Proteja Nossas Crianças e Adolescentes” foi uma realização dos Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescentes (CMDCA) em parceria com as secretarias de Educação, Saúde, Cultura, Promoção Social, Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e os conselhos Tutelares.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments