Feriado deve movimentar mais de R$ 3,3 bilhões na economia em São Paulo

Com festas regionais, shows gratuitos e previsão de calor, municípios prevêem ocupação hoteleira média de 69% nos quatro dias que celebram o Sete de Setembro

feriado da Independência
A cidade de Boituva, famosa pelos passeios de balões, celebra seu aniversário de 86 anos com quatro dias de shows gratuitos e muita procura. Foto: Divulgação Internet

Os municípios turísticos de São Paulo estarão bem movimentados no feriado da Independência nesta quinta-feira, 7, de acordo com sondagem realizada pelo Centro de Inteligência da Economia do Turismo (CIET), ligado à Secretaria de Turismo e Viagens de SP (Setur-SP). Os destinos paulistas devem receber 2,1 milhões de visitantes e movimentar R$ 3,3 bilhões durante os quatro dias nos principais destinos paulistas.

Assuntos Relacionados

A ocupação hoteleira média prevista é de 69% em todo o estado, número que pode aumentar nas cidades litorâneas, com 87% de ocupação até o momento – especialmente se a previsão de sol e calor se mantiver em todo o estado neste feriado da Independência. “O feriado prolongado viabiliza deslocamentos maiores, deixando o turismo ainda mais aquecido em todo o nosso estado”, afirma o secretário Roberto de Lucena, de Turismo e Viagens de SP.

A região do Vale do Ribeira, que tem observado um crescimento no fluxo de turistas este ano, espera uma média de 86% na ocupação hoteleira em cidades como Cananéia, Iguape e Sete Barras. Roteiros consolidados, como Pereira Barreto, com seu turismo de pesca, e São Roque, que oferece o Roteiro do Vinho, já estão com seus meios de hospedagem quase lotados para o feriado prolongado.

A cidade de Boituva, famosa pelos passeios de balões, celebra seu aniversário de 86 anos com quatro dias de shows gratuitos e muita procura. Já a cidade de Cunha, com o Festival do Queijo, apontou uma projeção de 80% de ocupação em seus meios de hospedagem até o momento.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments