quinta-feira, junho 30, 2022
spot_img
InícioCidadesSanta IsabelEx-vereador ameaça mulher grávida

Ex-vereador ameaça mulher grávida

Ela trabalhava no estabelecimento comercial do agressor, foi demitida grávida e o ex-vereador a aconselhou procurar seus direitos na justiça

Um ex-vereador de Santa Isabel, O. M. de F., já condenado por violência doméstica e conhecido por quebrar portas do legislativo, esta semana passou dos limites mais uma vez contra uma mulher, desta vez, ameaçou uma mulher grávida que, amedrontada, pede para que seu nome não seja divulgado na imprensa.

A vítima registrou a ocorrência na Delegacia de Polícia e já representou para dar continuidade ao processo. No documento ela descreve que estava debatendo com o pai do seu filho, quando o ex-vereador se aproximou já irritado, xingando a jovem com palavras de baixo calão e, para piorar, supostamente a ameaçou de algo mais grave: “para eu te dar um sumiço, são dois palitos”.

Mediante empurrão e dedos em riste na face, aos gritos o ex-vereador demitiu a moça. Ela conta que tudo isso aconteceu depois dele ter sido impedido de agredi-la fisicamente por clientes que estavam no estabelecimento comercial de peças automotivas.

Depois que ex-funcionária solicitou o pagamento dos dias trabalhados, o ex-vereador ameaçou a mulher grávida outra vez: “Se eu te der um soco você vai parar no hospital”, disse a ela. Neste instante, a vítima começou a gravar um vídeo da agressão. Ao perceber que estava sendo filmado, O. M. de F. bateu na mão dela para jogar o celular no chão e tentou mordê-la.

Veja Também

Pandemia e novos desafios aos processos de adoção

Entidade tem dívida milionária com Santa Isabel

A confusão só parou com a chegada da Polícia Militar que, segundo a vítima, fora acionada pelo próprio agressor. O ex-vereador pagou pouco mais de R$400,00 para a ex-funcionária e disse que o restante será resolvido na justiça.

Ontem, dia 27/05, a vítima contou que não consegue dormir direito há dias. Revela que por ele ser uma pessoa agressiva, mas influente na cidade, teme que atente contra sua vida, ou pior, contra a do bebê. “Sinto muita cólica depois que passei nervoso, achei que fosse perder o bebê”, conta.

O vídeo feito pela vítima já foi entregue ao Delegado de Polícia. “Agora vamos esperar a justiça né?”, finaliza a moça.

Denuncie

Segundo o Instituto Maria da Penha, é considerada violência psicológica qualquer conduta que: cause dano emocional e diminuição da autoestima; prejudique e perturbe o pleno desenvolvimento da mulher; ou vise degradar ou controlar suas ações, comportamentos, crenças e decisões. A Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180 – presta uma escuta e acolhida qualificada às mulheres em situação de violência.

reportagem tentou contato com o ex-vereador, mas até o fechamento desta edição não obteve retorno.

Érica Alcântara
Érica Alcântarahttps://jornalouvidor.com.br
Jornalista, escritora e poeta, Érica Alcântara se formou em Filosofia pela Universidade Federal de Ouro Preto, Bacharelado e Licenciatura e há mais de 10 anos atua como repórter do Jornal Ouvidor
RELATED ARTICLES

1 COMENTÁRIO

Se inscrever
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais antigo
O mais novo Mais votados
Inline Feedbacks
View all comments
José Francisco
José Francisco
30 dias atrás

Será que esse ex-vereador, foi o mesmo que deu um soco no rosto do ex-Provedor da Santa Casa, Dr. Luiz Carlos ??

Most Popular

Recent Comments

Érica Alcântara on Homero vira lenda
Érica Alcântara on Homero vira lenda
Érica Alcântara on Homero vira lenda
Ana Maria Monteiro da Silva on Homero vira lenda
Agenor Vallone on Homero vira lenda
Ana Paula Carrara on Homero vira lenda
José Francisco "Chiquinho" on Mais segurança em Arujá