Início Educação e Cultura

2022 tem o abril mais religioso

calendário lunissolar
Em 2022 o mês de abril reuniu as datas mais importantes das três religiões no mesmo período. Conheça o calendário lunissolar

Não se trata de uma simples coincidência, na verdade é o resultado provocado pelo calendário lunissolar que rege as maiores religiões monoteístas do mundo: o cristianismo, o islamismo e o judaísmo.

Nesse ano de 2022 o mês de abril reuniu as datas mais importantes das três religiões no mesmo período. Enquanto durante o mês inteiro os muçulmanos comemoram o Ramadã; do dia 15 ao dia 23 os judeus comemoram o Pessach e os cristãos, a semana Santa com a tradicional Páscoa.

Para os muçulmanos o Ramadã comemora a revelação de Allah ao profeta Maomé, momento em que o fundador da religião islâmica recebe o livro sagrado, o Alcorão.

Nesse período os muçulmanos praticam o jejum, se abstendo de se alimentar, beber (inclusive com redução do consumo de água) e até de manter relações sexuais.

Para os judeus, o Pessach celebra a libertação do povo hebreu da escravidão no Egito. Esse é um período de sacrifícios que termina no último dia com um jantar que, na tradição cristã se transformou na santa ceia de Jesus Cristo com os apóstolos

Enquanto a comemoração judaica relembra a passagem do anjo da morte durante a décima praga que possibilitou a libertação dos judeus da escravidão, a Páscoa cristã relembra o sacrifício de Cristo e sua ressurreição, isto é, sua passagem da morte para a vida.

Lunissolar – o calendário

Toda essa convergência é decorrente do calendário lunissolar que tem sua origem no movimento do sol e da lua que, na antiguidade também governava o ciclo do plantio e da colheita dos alimentos. São as festas móveis que todos os anos são celebradas em datas diferentes.

A tradição cristã estabeleceu no calendário gregoriano (em uso no ocidente) a lua cheia mais próxima do dia 25 de dezembro como momento zero das festas móveis. A partir desse dia são contadas as fases da lua para definir as comemorações no calendário religioso.

Assim, a sexta-feira da paixão deve cair na 4ª lua cheia após a lua cheia do natal. Nas demais religiões é a lua cheia que segue o equinócio de primavera no hemisfério norte que, nesse ano caiu no dia 20 de março.

Equinócio é o momento em que o dia e a noite têm exatamente a mesma duração.

Se inscrever
Notificar de
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
wpDiscuz
Sair da versão mobile