Vereadores apelam para o não fechamento de acesso à Via Dutra

Cidades Em 03/10/2013 05:03:17

Reportagem: Assessoria de Imprensa da Câmara de Arujá

 

Para evitar um possível transtorno na divisa entre Arujá e Guarulhos, o vice-presidente da Comissão de Acompanhamento das Obras do Rodoanel – Trechos Norte e Leste, vereador Castelo Alemão (foto), apresentou esta semana uma Moção de Apelo ao governador do Estado, Geraldo Alckmin para que seja preservada a entrada e saída da Estrada dos Vados, no KM 205,5 da Rodovia Presidente Dutra, ainda em Arujá.

Na semana passada, o fechamento da estrada dos Vados foi tema da Audiência Pública entre vereadores e o Dersa, que admitiu a possibilidade de fechamento do acesso, mas assegurou que outra via alternativa seria construída.

Castelo ressalta na Moção que o principal vetor de desenvolvimento da cidade até os dias de hoje foi a Rodovia Presidente Dutra, além de ligar Arujá às maiores cidades do país. E que neste raciocínio é com imensa alegria que o município vai contar dentro de alguns meses com o Rodoanel, a maior obra viária do Brasil.

Porém, Arujá corre o risco de perder um acesso que há muitos anos é de suma importância, por se tratar da última saída e entrada para a via Dutra, no sentido São Paulo.

O fechamento do referido acesso causará grandes transtornos ás empresas que há décadas estão naquela região como Nippon Country Club, que contam com mais de 28 mil sócios, Arujá Golf Club 4mil sócios, entre outros.

“Vale lembrar que este fácil acesso à Rodovia foi responsável por atrair investidores na região e também está a metros do nosso polo industrial e na divisa com Guarulhos. Assim, correremos sérios riscos de perder novos investidores e também dos que hoje geram renda em nosso município, migrarem para Guarulhos”, explica o vereador.

A Moção foi aprovada por unanimidade. Cópia do documento será encaminhada ao governador e também á concessionária SPMar, responsável pelas obras do Rodoanel naquele trecho.