UBUNTU

por Ednilson Toledo

Colunas & Opiniões Crônicas Em 19/03/2020 14:48:58

A Organização Mundial da Saúde (OMS) decretou que o mundo passa por mais uma pandemia: o novo Coronavírus (Covid-19). A humanidade já passou por outras pandemias: tifo, tuberculose, HIV. No entanto, em nenhuma dessas ocasiões tínhamos todo o desenvolvimento científico-tecnológico que pudesse nos auxiliar, tanto no combate ao vírus como nas precauções necessárias para o momento.

De certo que passaremos por mais essa pandemia; e para que os índices de contágio e mortalidade sejam os menores possíveis é necessário que todos compreendam a gravidade da situação e que adotem as devidas medidas preventivas. Precauções básicas como lavar as mãos e utilizar álcool gel são indispensáveis nessa hora, mas a atual situação requer atitudes mais rigorosas como evitar o contato físico e manter o distanciamento social.

Todo isolamento, por princípio, seria contrário à ideia de sociedade. Porém, uma sociedade é mais do que uma junção de pessoas. Ela compreende também o modo de agir e pensar de cada agrupamento social. Por isso, em momentos drásticos – como o atual – o isolamento se torna uma ferramenta de preservação da sociedade, na medida em que se evita a propagação do vírus. Então, evite ao máximo sair de casa.

Nesse momento, devemos pensar e agir pelos mais vulneráveis: as pessoas que se encontram no grupo de risco - idosos,pessoas com doenças crônicas graves, imunodeprimidas e pacientes oncológicos - e os mais desprovidos social e economicamente, moradores de comunidades e a população de rua.

Existe um termo africano: Ubuntu, que é geralmente traduzido como: “Sou o que sou, porque somos todos nós”. Todo mundo está conectado. É hora de compreendermos que o interesse coletivo deve se impor ao interesse individual. Quem despreza os riscos expõe o semelhante. O principal agora é pensarmos coletivamente. Cuide de você, cuide do outro.

 

Ednilson Toledo

 Sociólogo

ednilsontoledo@gmail.com