Tragédia na Avenida Brasil

Uma família destruída por um assassinato

Segurança Pública Em 08/11/2019 22:37:43

Por volta das 20h de domingo, dia 03/11, Nivaldo Barbosa, de 40 anos, perfurou diversas vezes o corpo do próprio irmão com um punhal. Ronivon Barbosa, de 37 anos, chegou a ser socorrido, mas não suportou os ferimentos e morreu.

Quando a Polícia Militar chegou ao local encontrou Nivaldo sentado na calçada, desorientado e notoriamente embriagado, estava coberto de sangue e com alguns arranhões. Ele confessou que brigou com o irmão e durante luta corporal encontrou um objeto que usou para golpeá-lo. 

Os vizinhos gritaram, apontaram o local onde Ronivon agonizava, estirado num sofá jogado no quintal de uma residência sem porteira. O SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foi imediatamente acionado, os socorristas chegaram a conduzir a vítima, mas logo que chegou o corpo sucumbiu e Ronivon morreu na porta da UPA (Unidade de Pronto Atendimento). 

Brigaram na casa da mãe, ela mesma não foi encontrada, mas ali perto o punhal de aproximadamente 30cm foi encontrado.

Nivaldo passou pelo atendimento médico na UPA, depois foi conduzido até a Delegacia de Polícia. O Delegado de Polícia, diante dos fatos e provas, decretou a prisão em flagrante pela prática do crime de homicídio consumado.