Suzano atende 2,3 mil famílias com distribuição de alimentos

Foram investidos R$ 660 mil e entregues cerca de 150 toneladas de itens nos últimos 12 meses pela administração municipal

Cidades Em 03/07/2018 17:31:23

por Assessoria de Imprensa da Câmara de Suzano

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego atendeu, por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), 2.331 famílias em situação de pobreza e insegurança alimentar e nutricional. Esse levantamento corresponde aos últimos 12 meses. O projeto, criado pelo artigo 19 da lei federal nº 10.696, de 2 de julho de 2003, tem duas finalidades básicas: promover o acesso à alimentação e incentivar a agricultura familiar. 

A partir da iniciativa no município, no total, foram investidos R$ 660 mil e distribuídas cerca de 150 toneladas de alimentos, como frutas, legumes e hortaliças, para complementar as refeições diárias. Os fornecedores são produtores rurais da região do Alto Tietê, devidamente cadastrados pela secretaria. Atualmente, 101 agricultores estão inclusos no programa. Todos os alimentos passam por um controle de qualidade e são divididos igualmente entre os beneficiários. O projeto funciona em parceria com o governo federal.

O secretário André Loducca explica que a Prefeitura de Suzano decidiu criar as próprias normas e que, desde o início da atual gestão, os alimentos só são distribuídos às entidades cadastradas no Conselho Municipal de Assistência Social (Comas). Sendo assim, os itens ficam restritos a pessoas que têm o número de inscrição social, ou seja, beneficiários de programas sociais desenvolvidos pelo governo federal, garantindo assim um controle mais justo do programa.

Para tanto, os kits ficam concentrados na Diretoria de Agricultura (rua Abdo Rachid, 55 – Centro) e são encaminhados às associações, responsáveis pelas entregas. “Fico muito feliz por Suzano fazer parte desse programa, que é de extrema importância, pois consegue amparar de alguma forma as famílias que realmente precisam. Quando o assunto é fome, toda e qualquer ação é válida e muito bem-vinda”, destacou.

 

Loducca informou ainda que a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego se inscreveu e foi contemplada novamente pelo governo federal para dar continuidade a esse trabalho no município. Produtores rurais interessados em fazer parte do sistema para um futuro cadastro no PAA podem entrar em contato com a Diretoria de Agricultura pelo telefone (11) 4746-1580.