Semana do Trânsito: Ação educativa chama a atenção de motoristas e pedestres

Educação Cidades Segurança Pública Em 19/09/2013 05:53:38

Reportagem: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Arujá

 

Motoristas e pedestres de Arujá foram alvo de ações educativas nesta quarta-feira (18/09). Ao lado de dois palhaços, alunos da rede municipal chamaram a atenção para alertar sobre a importância das práticas seguras no trânsito. A atividade foi organizada pelo Departamento de Trânsito e Secretarias Municipais de Educação e Cultura e Turismo.

Na Praça Benedito Ferreira (Coreto), os estudantes abordaram os condutores para explicar como é possível evitar acidentes de trânsito. Portando um ‘bloquinho de multas’, eles também verificaram se os motoristas estavam dirigindo em condições regulares. Quando percebiam alguma infração, os pequenos podiam aplicar a ‘multa educativa’.

Ao lado do colega Vinicius Yamanishi, Eduardo Tadeu Francisco, de 10 anos de idade, disse ter gostado de realizar as abordagens: “Foi engraçado e produtivo ao mesmo tempo. Tivemos a chance de mostrar nosso conhecimento sobre trânsito. Só fiquei triste por não conseguir multar ninguém, todos estavam regulares”.

O motorista Manoel Monteiro passou pela blitz e aprovou a iniciativa: “É uma ação nota mil. Espero que essas crianças continuem assim e levem essas práticas adiante, com isso elas só têm a ganhar”. Joana, esposa do condutor, também gostou da atitude dos alunos: “Quem já sofreu um acidente sabe o quanto é importante isso que estão fazendo. Fiquei emocionada”.

A secretária de Educação, Goretti Aguiar Alencar, acompanhou a atividade e destacou que a iniciativa é fruto do programa ‘Plantando consciência, colhendo vidas’, criado há cinco anos: “A ideia é que os alunos adquiram desde já essa cultura da educação no trânsito para que, no futuro, sejam bons motoristas. Isso vai resultar em menos acidentes e ocorrências”.

Faixa de pedestre

A mobilização relacionada à Semana Nacional de Educação para o Trânsito também teve a participação dos palhaços Maravilha e Pipoquinha, que estiveram na Avenida dos Expedicionários (nas imediações do Multi-Shop) para lembrar aos pedestres a importância de atravessarem na faixa de segurança.

O responsável pelo Departamento Municipal de Trânsito, Edson Nasser, explicou que o trecho tem um dos maiores índices de acidente do município: “As pessoas querem cortar caminho e acabam atravessando longe da faixa, na maioria das vezes por estarem com pressa. Esse é um hábito terrível, que gera inúmeras ocorrências e coloca vidas em risco todos os dias”.

A ação dos palhaços ganhou a aprovação dos moradores. Mesmo quem teve de ouvir os estridentes apitos da dupla, que fazia barulho toda vez que alguém cruzava a via irregularmente, mostrou alguma satisfação. “Hoje eu estava com pressa e fiz errado. Falhei e eles apontaram. Isso é educativo, por isso gostei da iniciativa”, disse Jenaro Arolio, de 78 anos.

Antônio Joaquim Rodrigues também passou apuros com os apitos de acusação de Maravilha e Pipoquinha: “Confesso, eu errei. Sei que não justifica, mas é que eu não sou da cidade, moro em São Paulo e não conheço bem Arujá. Na próxima vez vou prestar mais atenção nas faixas de pedestres para não fazer feio”, concluiu.