A primeira semana da Viação Suzano

Sobre as linhas as reclamações são poucas, mas o cartão ainda é polêmica para as próximas semanas

Cidades Em 19/10/2018 19:55:48

Na primeira semana de trabalho em Santa Isabel, a Auto Viação Suzano já coleciona as primeiras reclamações de usuários do transporte público. Diferente da PEM, os descontentamentos não estão relacionados a demora das linhas, descumprimento de itinerários, nem a problemas com a infraestrutura dos coletivos, mas sim ao início das cobranças do valor da passagem. 

Desde quarta-feira, 17/10, a Viação Suzano está cobrando o valor da tarifa das linhas R$4,20, porém, muitos usuários utilizavam para pagar a passagem o cartão da PEM, alguns estão com saldos de até R$700,00 e com a saída repentina da antiga empresa da cidade, eles não conseguiram reverter em dinheiro o valor total de saldo que depositaram em seus cartões. Quem tentou pagar no primeiro dia com o antigo cartão, diz ter sido ofendido por motoristas da Viação Suzano e convidado a se retirar de dentro dos ônibus. Ao procurarem a ouvidoria da Prefeitura para relatar este problema, foram orientados a procurarem a própria PEM, ou então abrir um processo judicial no Juizado Especial das pequenas causas. 

Após um pequeno manifesto de passageiros em frente à Câmara Municipal da cidade, a Viação Suzano se comprometeu até o final deste mês aceitar levar os passageiros que utilizam o antigo cartão da PEM. Para isso, quem utiliza cartão cujo saldo foi depositado pela empresa na qual trabalha, deverá além do cartão apresentar o crachá da empresa e entrar no coletivo pela porta dos fundos: “Acontece que até o final do mês eu não vou ter utilizado nem R$100 do valor total que tenho em meu cartão. Quem vai me devolver o restante do valor que paguei, afinal a empresa desconta do meu salário 6% pelo transporte que me paga?”, questiona Maria Valdecir Barbosa, moradora do Bairro Jd. das Acácias e usuária da linha Monte Negro. 

Segundo nota oficial da Câmara Municipal, o secretário Jairo Furini disse que após este período os cartões serão invalidados, mesmo aqueles que tiverem saldo.

Prefeita fala em boicote 

A prefeita Fábia Porto falou em boicote. Em coletiva a imprensa nesta semana Fábia revelou que há suspeitas e indícios de antigos motoristas da PEM, agregados a nova empresa, estarem agindo de forma premeditada a fim de prejudicá-la. A Prefeita exigiu que estes funcionários sejam identificados e que se houver irregularidade sejam imediatamente demitidos.  

A reportagem tentou contato diretamente com os representantes da Viação Suzano e da empresa PEM, mas ninguém retornou as ligações. Perguntas sobre o novo contrato e dúvidas dos usuários das linhas foram passadas a Prefeitura que até a publicação desta matéria não se manifestou.