PRF realiza Operação Independência nas rodovias federais paulistas

Em caso de emergência ou para realizar denúncias nas rodovias federais disque 191, o telefone gratuito de atendimento da PRF que funciona em todas as rodovias federais do Brasil.

Trânsito Em 07/09/2018 21:12:16

Agência PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) inicia em todo Brasil a partir da 0h desta quinta-feira (dia 06) a Operação Independência do Brasil que segue até às 24h do próximo domingo (dia 09). A ação busca por meio do reforço no policiamento durante o período do feriado, intensificar a fiscalização nas rodovias federais, que será focada nas condutas irregulares de motoristas e demais atores do trânsito com mais potencial para causar acidentes graves e gerar vítimas.

 

Com objetivo de proporcionar mais segurança aos motoristas que pretendem deixar a região metropolitana da capital paulista, equipes especializadas estarão mobilizadas nas rodovias federais que ligam a cidade de São Paulo ao interior e aos demais estados. Régis Bittencourt, Fernão Dias e Via Dutra receberão reforço policial nos horários de maior movimento.

 

A expectativa é que o movimento nas rodovias seja bastante intenso na saída do feriado, entre as 15 e 24 horas de quinta-feira (dia 6) e entre as 6 e 15 horas de sexta-feira (dia 7). No retorno do feriado os horários de pico devem ocorrer entre meio dia e 22 horas de domingo (dia 9).

 

Orientações para uma viagem segura

 

Respeitar os limites de velocidade, manter distância de segurança em relação aos demais veículos, ultrapassar apenas quando houver plenas condições de segurança e não desviar a atenção do trânsito. Estas são algumas das principais orientações da Polícia Rodoviária Federal para reduzir o risco de acidentes.

 

A PRF também orienta os usuários de rodovias, mesmo antes de viagens curtas, a fazer uma revisão preventiva do veículo, o que inclui a checagem dos pneus, do sistema de iluminação, dos equipamentos obrigatórios, do nível do óleo e do radiador, entre outros itens.

 

Também é fundamental planejar a viagem, buscando evitar, na medida do possível, os horários de pico. Dirigir cansado ou com sono aumenta o risco de o motorista cometer erros. A cada três ou quatro horas de viagem, é recomendável uma pausa para descanso ou revezar a direção do veículo.

 

Eventuais paradas no acostamento devem ser feitas apenas em caso de emergência, com pisca-alerta ligado e triângulo a pelo menos 30 metros do veículo.

 

O uso do cinto de segurança e da cadeirinha para crianças é imprescindível – esses equipamentos podem fazer a diferença em caso de acidente.