PRF apreende no km 204 da BR-116 em Arujá - veículo clone roubado

A prática da clonagem de veículos roubados tem sido cada vez mais constante. Os criminosos adulteram a placa, o número do chassi e do motor do veículo roubado, para se parecer com um veículo sem restrições.

Segurança Pública Em 19/10/2020 19:10:12

Na tarde desta segunda-feira (19), por volta das 15h30, em Arujá/SP, a PRF recuperou um veículo Chevrolet/Prisma roubado no Rio de Janeiro, que estava rodando como clone de outro veículo semelhante. A apreensão ocorreu na praça de pedágio do km 204 da BR-116.

No momento da abordagem, o veículo era conduzido  ostentando placas KRU-4868 RJ, sendo conduzido por um homem de 22 anos, tendo como passageira uma mulher de 21 anos. Questionado sobre a procedência do veículo, o condutor afirmou que comprou em um site popular de compras pela internet. 

Durante a conferências dos sinais de identificação do veículo, os policiais constataram que se tratava de um veículo roubado no Rio de Janeiro em setembro deste ano, porém havia sido clonado com os sinais de outro veículo semelhante, sem restrições. 

Diante do exposto, o condutor e a passageira foram encaminhados para a delegacia de Polícia Civil de Arujá. O veículo foi apreendido, o casal foi ouvido e liberado. 

A prática da clonagem de veículos roubados tem sido cada vez mais constante. Os criminosos adulteram a placa, o número do chassi e do motor do veículo roubado, para se parecer com um veículo sem restrições.

O CONTRAN emitiu a Resolução n. 670, de 18 de maio de 2017, que prevê a possibilidade de solicitar a troca de placas ao proprietário que teve seu veículo clonado, motivado pelos transtornos que os proprietários desses veículos passam, recebendo notificações de multas de locais que nunca estiveram.