Prefeito de Suzano participa de homenagem às mulheres em evento na OAB

Exposição traz histórias e retratos de oito mulheres da comunidade que superaram preconceitos e desafios

Mulher Segurança Pública Em 10/03/2017 17:13:28

 Assessoria de Imprensa Prefeitura de Suzano

 

O prefeito de Suzano-SP, Rodrigo Ashiuchi, prestigiou o lançamento da exposição fotográfica “Oito Mulheres, Oito Histórias”, abrigada na sede da subseção local da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A iniciativa, organizada pela própria entidade em referência ao Dia Internacional da Mulher, comemorado, oficialmente, em 8 de março (quarta-feira), tem a prerrogativa de reforçar o papel do público feminino na sociedade, bem como seus avanços e conquistas.

Participaram da abertura o presidente da OAB de Suzano, Wellington da Silva Santos; a diretora da Comissão da Mulher Advogada, Patrícia Martins Braga; a diretora para a Diversidade de Gênero, Kelly Campos dos Santos; e a secretária-adjunta Kellen Cristina de Siqueira.

O chefe do Poder Executivo susanense participou dos trabalhos ao lado da esposa, a presidente do Fundo Social de Solidariedade e dirigente do Serviço de Ação Social e Projetos Especiais (Saspe), a primeira-dama Larissa Antoniassi dos Santos Ashiuchi. Do Poder Executivo, também acompanhou o lançamento da mostra Rosemary Ferreira Caxito, coordenadora da Patrulha Maria da Penha, braço da Guarda Civil Municipal (GCM).

A exposição traz histórias e retratos de oito mulheres da comunidade que superaram preconceitos e desafios: Cida, Herly, Bárbara, Elizângela, Whine, Marilza, Kelly e Mariana. As fotos das homenageadas foram eternizadas pela fotógrafa Fernanda Oliveira.

Segundo a diretora da Comissão da Mulher Advogada, a mostra estará disponível para visitação, gratuitamente, na OAB até o dia 16 de março (quinta-feira). Depois, se tornará itinerante. Além de passar pelo shopping da cidade (rua Sete de Setembro, 555 – centro), a exposição ainda vai passar pelos centros culturais do município.

Em seu pronunciamento, Ashiuchi falou do trabalho realizado em Suzano em prol da valorização da mulher suzanense e da importância de se compartilhar a história das homenageadas pela OAB: “Defino esta mostra como uma ferramenta de conscientização da sociedade. Estas histórias fascinantes são de pessoas que fazem a diferença. No Brasil, uma mulher é agredida verbal ou fisicamente a cada dois minutos. É o quinto país que mais mata mulheres no mundo”, afirmou o prefeito, que, na festiva oportunidade, recebeu o pedido da OAB para que seja realizado, na rede municipal de ensino, um trabalho com crianças e jovens que trate da igualdade de gêneros e combata a violência contra a mulher.

A primeira-dama do município relembrou a necessidade do empoderamento da mulher na cidade, em razão dos mais de 726 casos de violência contra o público feminino de Suzano registrados nos últimos anos:

“Sabemos que, na realidade, o número de casos é bem maior. Mas, temos de ir atrás e fazer com que elas tenham voz e denunciem, tendo todo nosso apoio. Não menos importante é lembrar que nossa Patrulha Maria da Penha já realizou a prisão de 21 indivíduos que desobedeceram à medida protetiva da Justiça, além de acompanhar uma centena de outras mulheres que dependem deste monitoramento. É preciso que haja conscientização masculina contra a cultura do machismo, da violência”, salientou Larissa.