Polêmica da Zona Azul

Prefeitura de Santa Isabel, após reportagem do Ouvidor, solicita a suspensão do estacionamento rotativo

Economia & Negócios Cidades Política Em 27/01/2017 19:15:00

Reportagem: Érica Alcântara

 

Na segunda-feira, 23, motoristas de Santa Isabel ficaram confusos com relação ao estacionamento rotativo no centro da cidade. Cerca de 27 mensagens chegaram através do WhatsApp (98904-6228) logo pela manhã denunciando que os agentes estavam cobrando a taxa de Zona Azul, informando que o Jornal Ouvidor publicou uma notícia falsa. Contudo, já no início da noite, a própria prefeitura divulgou um comunicado informando a suspensão da cobrança. 

Em nossas transmissões ao vivo, às 16h15, o advogado Dr. Matheus Valério chegou a orientar os motoristas que continuassem pagando pelo estacionamento rotativo até que a empresa fosse oficialmente comunicada da suspensão.  Às 17h20 começou a circular na internet cópia do suposto documento em que o Tribunal de Justiça, no dia 13/01, oficiou a Prefeitura que devia suspender a cobrança da zona azul.

Finalmente, por volta das 19h, a Prefeitura soltou um comunicado oficializando que foi intimada e de imediato acatou a decisão judicial. “Informamos a empresa responsável para que suspenda a cobrança do estacionamento rotativo (Zona Azul). E instruímos os agentes de trânsito para que não efetuem autuações pela ausência do cartão de estacionamento. A Secretaria de Assuntos Jurídicos da Prefeitura analisa o caso e possíveis mudanças serão prontamente comunicadas a população isabelense”.

A empresa Ultra Park Estacionamentos esclarece que seus advogados estão estudando o caso, e prefere não tecer maiores comentários enquanto o processo estiver em andamento.

O Jornal O Ouvidor reitera seu compromisso com o jornalismo sério e voltado ao interesse público que pratica desde sua fundação, há mais de vinte e seis anos, exercendo seu dever de informar e garantindo o direito dos cidadãos de acesso à informação nos estritos parâmetros legais.