Pais procuram ajuda do Ouvidor

Suspeita de casos Covid-19 na escola geraram medo nos pais, mas Direção garante que não há razões para pânico, pois todos os protocolos são devidamente cumpridos

Cidades Em 19/02/2021 23:52:53

Por Érica Alcântara

A segunda-feira, 15/02, começou marcada pelo medo. Enquanto os postos de saúde estavam fechados pelo ponto facultativo decretado em Santa Isabel, no Bairro Vila Guilherme, mães, pais e responsáveis pelos estudantes da Escola Hyeróclio Eloy Pessoa Barros entravam em contato com o Jornal Ouvidor pedindo ajuda: “Não conseguimos falar na saúde e novos casos de Covid-19 estão ocorrendo entre alunos e professores”.

Foram pelo menos 10 chamadas para a reportagem, mas a direção da unidade de ensino contesta: “Não existe isso, os pais nem estão vindo na escola. Ninguém nos procurou para reclamar e, principalmente, nós seguimos todos os protocolos de saúde. Nossa equipe usa material de proteção, todas as salas têm álcool em gel, os bebedouros têm sabonete líquido e todos os ambientes são higienizados a cada 2h”, ressaltou a Diretora Alcina Camargo.

A secretária Municipal de Saúde foi acionada, Rosa Ravazzi, informou que já enviou uma enfermeira na escola para orientar quanto os protocolos de saúde que devem ser seguidos durante a pandemia.

Alcina destaca que a equipe se desdobra com todos os cuidados e somente 35% dos estudantes comparecem na unidade por vez. “Temos revezamento dos intervalos e toda a escola está demarcada com orientações de distanciamento seguro”, disse a Diretora acrescentando: “Em caso de dúvidas ou medo, a comunidade estudantil pode entrar em contato com a escola pelo telefone (11) 4656-4662”.