O resgate do corsa verde

Veículo roubado no domingo é resgatado do matagal na segunda-feira

Segurança Pública Em 08/03/2019 22:10:39

Era final de expediente no domingo, dia 03/03, o isabelense Alexandre Caraça, 40, deixava o veículo em que trabalha como taxista na garagem localizada na Rua Fernanda Magi, no Centro, quando dois indivíduos com máscaras de palhaço renderam o trabalhador e o raptaram em seu carro particular, obrigando-o a dirigir para o tráfico. “No início, até achei que era alguma brincadeira de Carnaval. Quando vi o revólver é que soube que era sério”, conta.

A história tinha tudo para dar errado, mas no final, Alexandre só tem a agradecer pelo atendimento que recebeu das polícias Militar e Civil, e também da equipe da secretaria de Serviços Municipais.

Os bandidos obrigaram Alexandre a dirigir pela cidade, carregando no banco traseiro uma mochila em que diziam estar carregada de produtos do tráfico. Até que, ao constatar que as viaturas se ocupavam da festa de carnaval, resolveram deixar o taxista nas proximidades da Unidade de Pronto Atendimento – UPA e seguir viagem sem refém. 

“Esperei uns 10 minutos e chamei a PM, eles me levaram na Delegacia onde registrei o Boletim de Ocorrência e fui orientado. De lá saí com um amigo em busca do meu carro. Os assaltantes disseram que iam abandonar o carro perto da Represa Jaguari, e foi lá perto que nós encontramos mesmo”, conta.

Atolado pela lama, já tarde de noite, não conseguiram retirar o carro. Alexandre lembra que quase não dormiu. “Tive medo que voltassem lá e colocassem fogo no meu carro”, recorda. 

No dia seguinte, graças ao apoio dos funcionários da secretaria de Serviços Municipais e um trator do setor, Alexandre conseguiu resgatar seu veículo com quase que nenhuma avaria. “Só tinha muita formiga. Sem a ajuda e atendimento que tive, não sei o que teria acontecido. Agradeço a todos de coração”, finaliza.