Igaratá economiza em aluguéis

A Prefeitura de Igaratá entregou no mês de maio quase todos os imóveis que alugava para acomodar os serviços prestados à população.

Cidades Em 12/04/2019 22:05:00

Com a conclusão das instalações da Unidade Básica de Saúde diversas salas da antiga creche no centro da cidade passaram a sediar especialmente os serviços de assistência social. Essa e outras mudanças vão proporcionar uma economia de mais de 40 mil reais por ano.

A atual administração herdou o compromisso com pagamentos de aluguéis de cinco imóveis. Com a necessidade de mudar a Unidade Básica de Saúde para permitir a reforma do prédio realizada pela Sabesp, mais um aluguel foi assumido para abrigar o Estratégia de Saúde da Família.

A inauguração das novas instalações da UBS em dezembro do ano passado permitiu a realocação de diversos serviços provocando a suspensão dos pagamentos dos alugueis e o reagrupamento de todos os serviços. A secretaria de esportes que ocupava uma sala alugada foi transferida para o antigo Igaratá Social Clube que hoje também abriga o Educa em Ação, numa parceria com a secretaria da educação.

O CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) junto com a Secretaria da Promoção Social e Cidadania foram alocados na antiga creche permitindo a devolução de dois imóveis alugados.

Outros serviços incorporados pela atual administração e já disponíveis para a população como o Posto do Detran, o Banco do Povo, e assistência judiciaria passaram a ocupar o prédio de madeira onde funcionava a Escola Irmã Paula Guimarães, essa transferida para as novas instalações no Jardim Rosa Helena.

Permanece ainda locada somente a garagem dos ônibus da secretaria da educação ao custo de R$2.000,00 ao mês. No local funciona a garagem, a oficina de manutenção, apoio e banheiros para os trabalhadores da Frente de Trabalho.