Igaratá: de volta ao futuro

Na próxima quarta-feira os estudantes do fundamental II da Escola Petronilha de Souza partem novamente para a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica.

Educação Em 10/05/2019 23:31:28

Na próxima quarta-feira os estudantes do fundamental II da Escola Petronilha de Souza partem novamente para a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica. O lançamento, sob o comando do Prof. Aldo Gomes de Souza, será no estádio municipal a partir das 08 hrs. Será um dia inteiro de atividades voltadas às ciências físicas e biológicas, matemática, letras, geografia, arte e história e terá, como convidados especiais, estudantes da EMEIF Benedito Rodrigues de Oliveira; EMEIF Leonida Vieira de Barros; Escola Estadual Profa. Laura Augusta de Carvalho Rosas, de Jacareí; e equipes da AOSI (Associação dos Olímpicos de Santa Isabel).

Orgulhoso de seus alunos o prof. Aldo diz que sonhar é uma experiência maravilhosa e a experiência de enviar ao espaço foguetes confeccionados pelos próprios estudantes os estimula a sonhar, a imaginar o desafio de enfrentar as alturas, no ar e na vida, diz.

O professor conta que a atividade foi idealizada com o objetivo de incentivar o desenvolvimento de projetos de pesquisas, como também explorar o conteúdo dado em sala de aula. Os alunos fabricam os foguetes e as bases de lançamento utilizando garrafas pet, e outros produtos descartados que ganham nova utilização.

Será a terceira vez que o projeto leva os estudantes ao espaço do conhecimento de técnicas de propulsão. No ano passado o foguete campeão atingiu a altitude estimada de 83,3 metros. Esse ano o estádio municipal volta a receber as bases e até às 16 hrs haverá lançamentos com explicações das técnicas utilizadas no processo de construção dos equipamentos.

O secretário de educação de Igaratá, prof, Mauro Siqueira Teixeira, diz que cada ano que passa os igarataenses vão conquistando conhecimentos que permitem imaginar foguetes cada vez mais eficientes. – É muito bom perceber essa evolução. Todos sabem que não temos condições de chegar à lua ou à marte, mas todos temos o direito de sonhar!

Mauro convida a população para participar do evento.