Igaratá contratará empresa para exames de Ultrassonografia

Vamos proceder com uma licitação em caráter de urgência para essa contratação

Saúde Em 02/02/2018 01:12:21

Por AIPMI

Uma avaliação das filas de ultrassonografia e a constatação de que as vagas disponíveis para Igaratá são insuficientes para o atendimento dos necessitados levou o secretário de saúde de Igaratá, Fábio Prianti, a decidir pela contratação de uma empresa especializada para atendimento dessa demanda.

- Vamos proceder com uma licitação em caráter de urgência para essa contratação, explica o Secretário acrescentando que a fonte do recurso para essa despesa será o de uma emenda parlamentar de R$100.000,00 direcionada para custeio de procedimentos de média e alta complexidade enviada em Dezembro de 2017 pelo deputado Roberto de Lucena. Os recursos foram destinados pelo Deputado do PV, atendendo a um pedido pessoal do Prefeito Celso Palau, quando este o visitou em Brasília, no final do ano passado. – Atualmente, diz ele, temos uma demanda de cerca de 500 exames, mas temos disponibilizados pelo Estado apenas 30 atendimentos por mês. A contratação dos exames de ultrassonografia também atende a uma determinação do Prefeito, que assim procedeu após pedido formulado pessoalmente pelos vereadores Jair, Tiago, Emerson Aquino e Antônio, logo nos primeiros dias de 2018

A licitação será, em breve, uma das soluções posta em prática pelo Secretário após dois meses à frente da Secretaria Municipal de Saúde. Ele menciona outras conquistas de sua gestão como a ambulância tipo B adquirida com recursos do próprio município; a assinatura de três convênios com o Governo do Estado, referente a mais uma ambulância tipo B; uma ambulância tipo A e uma Van Odontológica, além de aquisição de equipamentos para Unidade Mista de Saúde e para Estratégia Saúde da Família, além do bom andamento da obra de reforma e ampliação da sede da Unidade Mista de Saúde “Antonia Ramos Prianti. 

O Secretário afirma que ainda existem muitos desafios pela frente, “mas com trabalho e transparência conseguiremos transformar a forma de se fazer saúde em nossa cidade”. Fábio acrescenta que os recursos federais das emendas parlamentares dos deputados Sérgio Reis e Roberto de Lucena já foram utilizados para aquisição dos equipamentos da reformada Unidade Mista de Saúde através de processo licitatório, “os recursos foram bem aplicados e devido ao processo licitatório conseguimos economizar cerca de 200 mil reais”. – A utilização desses recursos excedentes será discutida no COMUS (Conselho Municipal de Saúde) que conta com representantes de diversas camadas da população exatamente para dar à cidade o que ela necessita.

Fábio diz que o projeto para 2018 é a informatização do sistema de saúde com a implantação do Prontuário Eletrônico em todas as unidades até o final do ano, economizando tempo e aprimorando os sistemas de informação.