Camargo anuncia novos secretários de Arujá

Novo prefeito reduziu, experimentalmente, três secretarias: - “Experiencia de primeiro momento”.

Política Em 21/12/2020 16:50:05

Sentado ao lado do vice, Betinho, o prefeito eleito de Arujá Luís Antonio Camargo anunciou na manhã desta segunda-feira a os nomes da equipe que vai ajudá-lo a governar Arujá. Agradecendo ao apoio que tem recebido do prefeito José Luis Monteiro, Camargo acentuou que escolheu os membros de sua equipe apenas por critérios técnicos, nomeando pessoas que, segundo ele, são notórios especialistas na área que vão atuar.

Destacando que sua lista segue uma ordem aleatória, Camargo começou anunciando o nome da Professora Elaine Gentil, para a educação. Na saúde optou pelo Dr. Márcio Knoller, “que todos vocês o conhecem por sua atuação no UPA”. Para a secretaria de desenvolvimento econômico, o indicado é José Carlos Santos que já atuou nesse cargo e que “nesse momento de pandemia vai continuar prestando relevantes serviços na busca de empresas e na qualificação de profissionais”. Para a Assistência Social, a indicada é Marina Bernardo da Costa Antonio, atualmente diretora adjunta nesse órgão.

- Nossa preocupação, destacou Camargo, é não provocar rupturas. Nesse momento de pandemia a continuação de todos os serviços tem de ser harmônica, sem interrupções especialmente na Promoção Social: - Do dia 31 ao dia primeiro nada deve alterar a rotina dos trabalhos, garantiu.

Camargo agradeceu o prefeito Guthi, de Guarulhos, pela cessão de Rodolfo Ribeiro Machado, que naquela cidade já atuou na gestão da secretaria de habitação, mesmo cargo que exercerá em Arujá, “especialmente implantando aqui o que fez lá em Guarulhos, resolvendo uma questão social que pode auxiliar em Barreto: a Venda Social de lotes.

Para a Segurança Pública, Camargo convidou Washington Luis Adami, experiente policial civil, professor na academia de polícia e que, segundo ele, “foi muito bem recebido pela Guarda Civil Municipal”. Para a Secretaria de Cultura foi escolhido o Prof. Juvenil dos Santos; e no esporte Ricardo Almeida, mais conhecido como ”Pitta” que contará com a ajuda do nosso vice, o “Betinho, um entusiasta do esporte”.

O novo Prefeito destacou que para contenção de despesas está reunindo as secretarias de planejamento, obras e serviços em uma só que ficará a cargo do arquiteto Marco Valdanha. Na secretaria de governo que ficará responsável pelo diálogo com o legislativo, Camargo vai entregar ao atual vereador (até 31 de dezembro), Rogério da Padaria (Gonçalves Pereira).

Para resgatar o conceito de “Cidade Natureza”, Camargo anunciou que convidou a profissional autônoma Andréia de Oliveira Assis para a secretaria de Meio Ambiente.  O advogado Marcos Requeiro assumirá a Secretaria de Assuntos Jurídicos que está sendo reunificada à secretaria de Assuntos Internos. – Acreditamos que essa redução de secretarias representará uma economia de mais de um milhão de reais no primeiro ano, observou, Camargo. A secretaria de finanças ficará a cargo de Caio César Vieira de Araujo que permanece no cargo que tem hoje. Na direção geral da Prefeitura ficará Fernando Alegri e, coordenando a comunicação e a imprensa, a jornalista Cláudia Roberta Irente.

COLETIVA

Durante a coletiva de imprensa Camargo disse que rejeita a volta as aulas sem que haja a vacina e que, embora as notícias de mutação do coronavírus sejam preocupantes, defende o uso da vacina assim que ela estiver disponível. – Acredito que até mesmo por uma questão de logística, ficaremos com a Coronavac, e já estamos planejando como será feita a aplicação mesmo sem saber a partir de quando. Um minuto depois que as vacinas nos forem entregues, quero iniciar o processo de vacinação.

Camargo defendeu a inclusão da sociedade civil e entidades na comissão de contigência do combate à covid-19 ressaltando que um tema que envolve absurdamente a vida de toda a sociedade tem que ser compartilhado por todos, “ e não apenas por um grupo ligado ao governo”. Destacou que a população tem de ser solidária e se proteger contra o contágio da doença, especialmente neste início de ano, quando as estimativas apontam que os números de ocorrência de contágio e morte no Brasil serão assustadores. – O que pretendemos é fazer mais com menos. Esse é o plano!

Ao encerrar a entrevista Camargo destacou que vai precisar muito da imprensa para dar transparência à sua gestão: vamos dar acesso direto da imprensa aos secretários e eu sempre estarei, como sempre estive, a disposição de todos vocês! Concluiu.