Bicho-preguiça é resgatado e “faz selfie” no Corredor Dom Pedro

Desde o início da concessão, Rota das Bandeiras já salvou mais de 1,4 mil animais nas rodovias do sistema

Turismo & Natureza Em 29/01/2018 17:56:28

por Comunicação da Rota das Bandeiras

Um fato inusitado aconteceu no Corredor Dom Pedro durante o último fim de semana. O operador de tráfego Luiz Barbosa, da Concessionária Rota das Bandeiras, resgatou um bicho-preguiça no km 19 da rodovia D. Pedro I (SP-065), em Igaratá. O animal, ainda filhote, tentava atravessar a estrada e colocava em risco a sua própria vida, além da segurança dos usuários da rodovia que passavam pelo local.

Após avistar o animal e fazer o resgate, Luiz resolveu registrar o momento. Curioso com o aparelho celular, o animal tentou pegar o telefone e a imagem captada passa a impressão de que o bichinho está, de fato, posando para a foto, como se fizesse uma “selfie”.

“Foi uma situação um tanto quanto emocionante e engraçada. A foto saiu bonita por causa da curiosidade do bicho-preguiça, que queria apanhar o meu telefone de qualquer maneira”, conta Barbosa, que tem 33 anos e trabalha na concessionária há um ano e quatro meses. O operador de tráfego ressalta também o sentimento de satisfação. “O bicho-preguiça é uma espécie em extinção e talvez os meus netos nem cheguem a vê-lo no futuro, se não houver preservação. Por isso, é uma felicidade muito grande salvar uma vida assim”.

Desde o início da Concessão do Corredor Dom Pedro, a Rota das Bandeiras, concessionária que administra o sistema viário, já resgatou 1.411 animais. A maior parte corresponde a cachorros, equinos e bovinos. Mas também há outros animais curiosos, como onças, corujas e outros bichos-preguiças, como o do fim de semana, que foi reintegrado à natureza.

O Corredor Dom Pedro é formado pelas rodovias D. Pedro I (SP-065) e José Roberto Magalhães Teixeira (SP-083), além de trechos das rodovias Prof. Zeferino Vaz (SP-332), entre Campinas e Mogi Guaçu; Eng. Constâncio Cintra (SP-360), entre Itatiba e Jundiaí; e Romildo Prado (SP-063), entre Itatiba e Louveira.

Segurança

Segundo o coordenador de tráfego da Rota das Bandeiras, Murilo Perez, alguns cuidados devem ser tomados pelos motoristas ao avistar um animal na rodovia. “O primeiro passo é reduzir a velocidade, com o cuidado de olhar pelo retrovisor se não está vindo um outro carro”.

Outra dica importante é não buzinar ou jogar luzes no animal, ações que podem assustá-lo e agravar os riscos. Após esse cuidado, a ultrapassagem deve ser feita por trás do animal, impedindo que ele corra para cima do carro.

 

Por fim, os motoristas devem avisar a Rota das Bandeiras por meio do telefone 0800-770-8070, para que a Concessionária possa fazer a captura do animal. A ligação é gratuita e o serviço funciona 24 horas.