Aulas de sumô em Suzano terão reforço de professor do Japão

Hiroyuki Iida vai integrar o projeto ‘Lutas Como Forma de Educação’, que ocorre na escola municipal da Vila Helena, pelos próximos dois anos

Esportes Em 08/08/2018 17:19:01

por Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Suzano

O projeto “Lutas Como Forma de Educação”, que oferece aulas gratuitas de sumô para crianças na Escola Municipal Manoel Vicente Ferreira Filho, na Vila Helena, terá o reforço de um professor da modalidade vindo diretamente do Japão a partir da próxima semana. A novidade foi garantida a partir de uma parceria entre a Prefeitura de Suzano, a Confederação Brasileira de Sumô e a Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica). 

O objetivo é especializar as instruções recebidas pelos alunos atendidos pela iniciativa, liderada pela professora Luciana Watanabe. Atualmente, 65 crianças de 6 a 11 anos são beneficiadas na unidade com o projeto.

A notícia foi dada nesta quarta-feira (08/08) pelo prefeito Rodrigo Ashiuchi durante reunião, em seu gabinete, com o novo instrutor, Hiroyuki Iida, representantes da confederação e os secretários municipais de Esportes e Lazer, Arnaldo Marin Junior, e de Educação, Leandro Bassini. As aulas com o sumotori japonês ocorrerão duas vezes por semana pelos próximos dois anos, a partir do dia 16 de agosto (quinta-feira). 

“Será uma satisfação contar com um profissional formado no Japão. Sem dúvida, vamos potencializar os benefícios desse importante projeto promovido em Suzano”, destacou Ashiuchi. O diretor de Relações Públicas da confederação, Hélio Otaki, agradeceu ao prefeito por abraçar a ideia e ajudar a desenvolver cada vez mais a modalidade no município.

Ainda na oportunidade, Ashiuchi parabenizou a atleta Letícia Clemente Rodrigues, de 15 anos, por ter ficado em quarto lugar no Campeonato Mundial de Sumô, em Taiwan, na categoria peso médio, nos dias 21 e 22 de julho. No mês que vem ela participará de um torneio sul-americano e iniciará a preparação para a seletiva do mundial de 2019. 

“Esse resultado nos dá muito orgulho, não só porque a Letícia é de Suzano, mas também por ter sido aluna do projeto ‘Lutas Como Forma de Educação’. Embora hoje treine em São Paulo, ela continua a representar a cidade nos torneios que disputa. A Letícia está no caminho certo. Tão jovem e já tendo importantes conquistas. É exemplo para as crianças que participam do projeto, pois saiu daqui e chegou a um mundial”, finalizou o prefeito.